quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Esperança



Tão bom viver dia a dia...
A vida assim, jamais cansa...

Viver tão só de momentos
Como estas nuvens no céu...

E só ganhar, toda a vida,
Inexperiência... esperança...

E a rosa louca dos ventos
Presa à copa do chapéu.

Nunca dês um nome a um rio:
Sempre é outro rio a passar.

Nada jamais continua,
Tudo vai recomeçar!

E sem nenhuma lembrança
Das outras vezes perdidas,
Atiro a rosa do sonho
Nas tuas mãos distraídas...
-Mario  Quintana

Como é difícil ter esperança.. Pois é, para algumas pessoas é muito complicado ser otimista, bem mais fácil seria reclamar, reconhecer que somos fracos, que precisamos de outras pessoas e acima de tudo saber valorizar e agradecer, isso não devia ser algo complicado. Eu acredito, porém, que é bem mais gostoso agradecer, ser feliz ao lado dessas pessoas, as quais você depende. Vocês podem perguntar, nada de ruim aconteceu na sua vida? Impossível. É claro que aconteceu, eu passei por momentos difíceis, problemas de saúde, processos cirúrgicos, desafios psicológicos e sentimentais, entre outras coisas. Todavia, dentre essas coisas, fortaleci amizades, amizades essas que me fazem chorar de saudade, pessoas que com muito esforço mantive perto, outras que não consegui e se foram, algumas que chegaram de repente e deixaram-na mais gostosa. Li muitos livros, lindos, não todos os que eu queria, mas... Chorei, dancei, ri e me estressei. Comecei projetos incríveis -surpresa- com pessoas incríveis. Zerei bastantes jogos. Vi meu Flamengo campeão. Amei.

Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.
Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.

Mateus 11:28-30

Feliz 2014

Nenhum comentário:

Postar um comentário