quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Verão Radical.

Aposto que vocês assim como eu estão se derretendo com esse calor não é mesmo ?!!
Estão fazendo planos de ir a praia mas querem fazer algo muito divertido, com bastante adrenalina ? ou mesmo querem arranjar um jeito de deixar o esporte diário menos penoso ?
A solução para o problema de vocês são os esportes de verão, que podem ser uma simples natação, algo relaxante como Sup Yoga ou mesmo algo com bastante adrenalina como  Stand up Padle ou Rafting.


fotos-050-1S.U.P Yoga: alguns a descrevem como uma versão mais "zen" do S.U.P (Stand Up Padle), o que não deixa de ser verdade uma vez que é praticado sobre uma prancha em alto mar. O S.U.P Yoga é uma modalidade de verão da Yoga tradicional; o esporte já é famoso no Havaí e vem ganhando adeptos nas regiões de praia do Brasil.
Como a  instabilidade da prancha sobre a água é muito grande, isso  exige  muito mais concentração e equilíbrio dos adeptos da yoga flutuante; o que os ajuda a desenvolverem autoconfiança e consciência corporal na hora de executar os movimentos. Além disso, os praticantes têm uma ótima oportunidade para meditar junto com o balanço da água.



info Stand Up Paddle euatleta (Foto: Editoria de Arte / EUATLETA.COM)




S.U.P: o Stand Up é um esporte que exige bastante coordenação e força nas pernas e nos braços. O importante é você trabalhar os membros inferiores e superiores, adquirir hábitos saudáveis, curtir a agua e observar a natureza. Para os adeptos desse esporte o SUP é um estilo de vida,  eles tem a propria maneira de comer, de se vestir, de conversar e viver. 















Rafting: esporte radical que consiste em descer  corredeiras em equipe utilizando botes infláveis e equipamentos de segurança. Geralmente os botes infláveis comportam de 7 a 8 pessoas, cada uma com um remo e seus "E.P.I's" (equipamento de proteção individual). Rafting é geralmente praticado em cachoeiras, mais pode ser feito em rios onde haja forte correnteza.




 
Bodyboard: Praticado na superfície das ondas, com uma prancha especial o surfista desliza pela onda em direção a areia. A prancha padrão de bodyboarding consiste numa peça curta e retangular de de material sintético hidrodinâmico, por vezes contendo uma tira ligada ao centro da prancha chamada leash ou stringer. Os praticantes do bodyboarding (bodyboarders) geralmente usam pés de pato para proporcionar um impulso adicional e  maior controle da prancha .

  
Kitesurfe: comumente chamado de "kite" pelos praticantes, para praticar é necessário uma pipa, uma prancha e muita habilidade. O Kitesurfista fica com a pipa presa à cintura através de um dispositivo chamado trapézio, coloca-se em cima da prancha, comanda o kite com a barra, e sobre a água, é impulsionada pelo vento que atinge pipa. Ao controlá-lo, através de uma barra, consegue se deslocar escolhendo um caminho, pegando ondas ou realizando saltos. Para praticar são necessários vários equipamentos, como o "trapézio", que é um cinturão que possuiu um gancho feito de aço, que se conecta a "barra", através do "chicken loop" ( uma alça com um grampo, a qual faz parte da barra e que se liga ao kite por meio de linhas (4 ou 5 conforme o modelo do kite).


-Sugestão: Victor Max.


Nenhum comentário:

Postar um comentário